CARACTERIZAÇÃO

Edição: 4ª Freguesia

Localidade: Varzea de Calde, Viseu

Realização: maio a junho de 2015

Apresentação pública: 24 de julho de 2015

 

SINOPSE

Uma noiva abandonada no altar, duas vizinhas sem medo de fantasmas, uma profeta capaz de ver o passado e o futuro mas não o presente, um soldado napoleónico à espera da justiça, um bispo inglês fascinado pelas ribeiras do Vouga, um padre sem papas na língua. O que é que se passa na freguesia de Calde? Ninguém sabe, mas todos esperam saber com impaciência.

 

“O desconhecido desafia-nos. O labirinto de histórias e memórias seduz-nos, envolvemo-nos e já não queremos sair dali. Encontramos um fio… Onde nos leva? Descobrimos algo perdido. Por vezes, confundimo-nos… Às vezes, por muito tempo… Não está perdido. A energia e vontade de um todo adensa-se e sem pretensões uma fina rede é tecida. Vê-se uma luz além!… São janelas! Acredito e vivo orgulhosamente comunidade.”

Márcia Leite

 

“É este um texto tecido com as palavras da tribo, com os gestos e os murmúrios de conversa que ainda nos encantam sob a cúpula magnífica das carvalhas. Gestos, palavras, histórias e cantigas; todos os fios necessários para tecer um drama no que a comunidade faça vibrar as suas invencíveis raízes. Entre risos e talvez, só talvez, alguma lágrima. Venham e admirem-se, a comunidade vai-se sonhar a si própria!”  

Carlos Santiago

 

FICHA TÉCNICA

Direção Artística e Encenação: Márcia Leite

Dramaturgia: Carlos Santiago

Apoio à Encenação: Carlos Santiago, Gil Rodrigues

Interpretação: Adelaide Martins | Amélia Vilar | Aurora Morgado | Belmira Rouxinol | Brilhantina Gonçalves | Carla Ferreira | Celeste Verónico | Célia Outeirinho | Cláudia Ponte | Conceição Costa | Cristina Martins | Cristina Rodrigues | Dinis Ponte | Diogo Filipe | Dulce Pereira | Esmeralda Matias | Fátima Filipe | Fernando Lopes | Herculano Gonçalves | Idalina Martins | Isabel Oliveira | João dos Santos | Jorge Ponte | Laura Lopes | Letícia Mões | Luís Campos | Lurdes Matias | Mónica Maurício | Nelson Ferreira | Prazeres Morgado | Rafael Ferreira

Direcção Musical: André Cardoso

Músicos: André Cardoso | Rafael Ferreira | Grupo Etnográfico de Trajes e Cantares do Linho | Tocata do Rancho Folclórico Os Carqueijeiros de Várzea

Cenografia: José Luís Loureiro | Mara Maravilha

Construção dos Cenários: Dinis Ponte | Diogo Filipe | João dos Santos | Jorge Ponte | Luís Campos | Nélson Ferreira

Figurinos: Comunidade (vestido de noiva Fátima Filipe)

Desenho de Luz: Cristóvão Cunha

Operação de Luz: Rui Pêva (Coordenação) | Alberto Costa | David Silva | Paulo Carrilho

Som: Publiferrão

Imagem: José Pedro Ramos e Colori n Design

Fotografia: Zunzum AC

Apoio nos Ensaios de Produção: Daniela Fernandes | Mariana Veloso | Fátima Couto | Jéssica Costa

Comunicação: Patrícia Santos

Contadores de Histórias e Memórias: Brilhantina Gonçalves | Celeste Verónico | César Cardoso | Dulce Ferreira | Etelvina Verónico | Herculano Gonçalves | Ilídio Martins | Leonel Oliveira | Ramiro Francisco | Raquel Greenleaf | Virgínia Maurício | Museu Etnográfico “Casa de Lavoura e Oficina do Linho”

Produção | Z1Z1-AC, 2015

 

AGRADECIMENTOS

Carlos Figueiredo | Cláudia Ponte | Elisabete Campos | Fátima Filipe | Ilídio Martins | Jorge Ponte | Padre Valmor | Pompeu José | Associação Cultural e Recreativa de Várzea | Associação Social, Cultural e Desportiva da Almargem | Associação Social, Cultural, Desportiva e Recreativa de Calde | Associação Social, Cultural, Desportiva e Recreativa de Paraduça | Junta de Freguesia de Calde | Museu Etnográfico “Casa de Lavoura e Oficina do Linho” | Serração Madilenhas | Serração Outeirinho Rouxinol

E a toda a comunidade que de muitas formas contribui para a realização deste projeto e deste espetáculo.

 

RESUMO DA PERFORMANCE TEATRAL PÚBLICA



Além Calde


Uma noiva abandonada no altar, duas vizinhas sem medo de fantasmas, uma profeta capaz de ver o passado e o futuro mas não o presente, um soldado napoleónico …

Zunzum > Comunidade > Janelas para a Comunidade > Janelas para a Comunidade: Ativo

JANELAS PARA A COMUNIDADE

Característica geral: Projeto a desenvolver com a comunidade, inserido numa freguesia, bairro, localidade... que promove a valorização do património material e imaterial distintivo.

O projeto Janelas para a Comunidade visa criar e fortalecer a rede de interação local a partir dos seus participantes, ativar a relação humana com o património material e imaterial a partir das estórias e memórias ali recolhidas, e partilhar o resultado de todo este processo criativo e construtivo numa apresentação pública performativa.

O Janelas para a Comunidade dirige-se, em primeiro lugar, aos intervenientes: a comunidade não urbana. Depois, aos organismos que têm a responsabilidade e a motivação de promover a coesão do território elevando as suas facetas culturais e de cooperação humana. E por fim, a si, que é convidado a conhecer novas pessoas, estórias e património local.

MÉRITOS
A mestria da Márcia Leite e da equipa Zunzum, com a colaboração de diversos benfeitores e voluntários promovem desde 2014 edições do projecto Janelas para a Comunidade em diversos territórios da região de Viseu.

Têm sido horas de transformação, de convívio e criação sempre bem animadas. Os testemunhos dos participantes são unânimes sobre o bem estar gerado, benefícios da criação de novos laços, ampliação do sentido de território, e do valor do trabalho em rede.

Todos os que participam nos Projetos Comunidade são embaixadores da cultura local num qualquer palco.
A tudo isto se soma a entusiasta assistência das performances públicas finais das diversas edições do projecto Janelas para a Comunidade. Bem-haja!



Queremos muitos, e cada vez mais freguesias e localidades ligadas pelo processo criativo e construtivo do Janelas para a Comunidade. Fale connosco.

Experiencie ou faça a sua comunidade experienciar as artes e a criação de novos laços com o apoio da Zunzum.


julho, 2019

1jul - 70:00jul 7- 0:00Panela de Ferro - Festival MESCLA | ViseuViseuCategoria:Teatro
21jul16:00- 0:00"Olhos de Peixe" - Teatro OnomatopeiaViseuCategoria:Teatro